24 de mar de 2009

Alterações clínicas e de ressonância magnética em gatos com sinais de doença da medula espinhal

Os registros médicos de 92 gatos com sinais clínicos de doença da medula espinhal e que foram submetidos ao exame de ressonância magnética foram examinados. Os animais foram agrupados em 7 categorias de acordo com a imagem, a análise de líquor e outros testes realizados: neoplásico, inflamatório/infeccioso, traumático, vascular, degenerativo, má formação e sem alterações na ressonância.

Nenhum comentário:

Postar um comentário