18 de dez de 2007

MENINGIOMA ESPINHAL

O meningioma é um tumor considerado comum no sistema nervoso, tanto em medicina humana como na veterinária. É um dos tumores de localização intradural/extramedular mais freqüente em cães (embora os meningiomas intracranianos sejam mais freqüentes que os espinhais). Tem origem nas células aracnóides e pode apresentar grande diversidade do padrão histológico. Comumente causa dor ou desconforto crônico com alterações neurológicas lentamente progressivas. Tendem a ser compressivos ao invés de infiltrativos, mas alguns podem invadir o espaço perivascular. Não fazem metástase distante, ao contrário dos meningiomas intracranianos. Quando não há invasão da medula espinhal, podem ser excisados por cirurgia, dependendo de sua localização. A cirurgia pode ser complicada pois alguns tumores são friáveis ou estão aderidos, mesmo na ausência de invasão da medula espinhal. Embora este tumor seja considerado benigno e a excisão cirúrgica possa ser curativa, a localização ventral ou em intumescências (da medula espinhal) estão associadas com pior prognóstico.
Leitura complementar:

Nenhum comentário:

Postar um comentário