2 de abr de 2012

Co-infecção pelo vírus da cinomose canina e Toxoplasma gondii em cães com sinais neurológicos.

Arq. Bras. Med. Vet. Zootec. 2012, vol.64, n.1, pp. 221-224.

Canine distemper virus and Toxoplasma gondii co-infection in dogs with neurological signs

D.M. Aguiar, A.M. Amude2, L.G.F. Santos1, M.G. Ribeiro, T.E.H. Ueno4, J. Megid3, A.C. Paes, A.F. Alfieri, A.A. Alfieri, S.M.

O presente estudo relata a ocorrência de co-infecção entre o vírus da cinomose canina (CDV) e Toxoplama gondii em cães com sinais neurológicos. Amostras de soro e tecido nervoso (pos-mortem) de 21 cães, suspeitos de cinomose canina foram analisadas pela Reação de Imunofluorecência indireta (RIFI) para pesquisa de anticorpos contra T. gondii e N. caninum e por RT-PCR para CDV. Dezessete (80,9%) cães foram positivos para o CDV pela RT-PCR e 8 (38,1%) foram positivos para anticorpos contra T. gondii. Sete cães (41,1%) apresentaram-se positivos para ambos agentes, caracterizando processo de co-infecção. Somente 1 (4,7%) cão foi soropositivo para N. caninum (RIFI=100), entretanto este mesmo animal foi positivo para T. gondii (RIFI=4096) e para CDV (RT-PCR).

Nenhum comentário:

Postar um comentário